Caraguatatuba Cultura

Sarau homenageia ex-prefeito poeta Altamir Tibiriçá Pimenta

Divulgação

A Praia da Mococa onde nasceu o poeta, jornalista e político Tibiriçá, recebe grupos de cultura tradicional caiçara da região para sarau-homenagem neste domingo (25)

 


Por Adriana Coutinho

O grupo caiçara ‘Fieira de Timbopeva’ promove neste domingo (25), o Sarau ‘Caraguatatuba Canta e Conta os 100 anos de Altamir Tibiriçá Pimenta’ (in memorian) – ele faria 100 anos neste sábado (24). O encontro, organizado por amigos e admiradores do jornalista, poeta e ex-prefeito do Centenário de Caraguá, acontece no Quiosque do Djalma, rua Boqueirão, nº 900, na Praia da Mococa, a partir das 14h.

Estão previstas apresentações musicais, poesias e textos que foram produzidos especialmente para o evento, assim como histórias contadas por amigos de Tibiriçá, revivendo seus feitos no jornalismo, na literatura e na vida política de Caraguatatuba. Músicos, poetas, artesãos, canoeiros, grupos e coletivos de todo o Litoral Norte ligados à cultura tradicional caiçara já confirmaram presença no sarau na praia da Mococa, onde nasceu Tibiriçá. Mestres caiçaras de São Sebastião também estarão presentes – Evaldo Pereira e Nicinho, que vão servir o prato tradicional Azul Marinho e o café com garapa ao público.

A ideia de promover o encontro de caiçaras para homenagear Altamir Tibiriçá, partiu dos amigos Pitágoras Bom Pastor, Pedro Caetano dos Santos, Djalma de Oliveira e Silvio Rangel, que montaram o grupo de arte coletiva ‘Fieira de Timbopeva’. O nome, segundo o grupo, faz alusão a um cordel literário – porém caiçara – dando destaque à fibra natural, o cipó timbopeva, utilizada antigamente pelos pescadores artesanais para carregar as ‘fieiras’ de peixes e produzir cestarias. Desde então, vêm criando poesias coletivas sobre o poeta Tibiriçá, que serão apresentadas durante o evento.

Os filhos de Tibiriçá, convidados de honra do sarau, se dizem emocionados com a homenagem ao pai. “É uma continuação dele, é muito importante para mim como cidadão e filho. Tenho certeza que será inspirador o encontro, porque são assuntos de cultura de raiz, legado que ele deixou para todos nas artes, literatura, jornalismo e política”,  cita Mário Wagner Moreira Pimenta, 69, funcionário do judiciário aposentado.

Para a filha Generosa Rita Tibiriçá Pimenta, 40, Educadora Social, o reconhecimento dos amigos do grupo ‘Fieira de Timbopeva’ ao seu pai é uma demonstração de carinho. “Quero agradecer essa manifestação poética em homenagem pelo seu aniversário. Certamente, a energia dele está em regozijo por essa manifestação artística em sua memória. Estamos muito agradecidos pela lembrança de meu pai”.

Segundo Djalma, um dos organizadores, será um encontro que reune as lideranças caiçaras da região e a partir desse sarau, possam se fortalecer ainda mais sobre as questões culturais e ambientais. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (12) 981726392. A entrada é franca.

Sobre Altamir Tibiriçá Pimenta – Altamir Tibiriçá Pimenta nasceu em 24 de fevereiro de 1918, na Fazenda Mococa em Caraguatatuba. Filho de Theotino Tibiriçá Pimenta e Dona Generosa Rita Pimenta, sua família era uma das mais tradicionais na cidade. Tibiriçá foi professor, jornalista, poeta, vereador e é lembrado como o prefeito do Centenário de Caraguatatuba. Foi o fundador do jornal A Voz do Litoral, o mais antigo tablóide do Litoral Norte. Faleceu em Caraguatatuba em 9 de janeiro de 2000.

 

1 Comentário

Deixe um Comentário

O Tamoios News isenta-se completamente de qualquer responsabilidade sobre os comentários publicados. Os comentários são de inteira responsabilidade do usuário (leitor) que o publica.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.