Especial

Guilherme Martinez: “Meu sonho é cantar com Roberto Carlos”

O cantor Guilherme Martinez, de Caraguatatuba, aos 12 anos, pode ser considerado como um dos maiores fenômenos infantil da musica brasileira. Começou a cantar aos 3 anos, incentivado pelo pai que é músico e não parou mais. Tem vínculos em participações no SBT, mas recentemente, fechou contrato com a Globo. Confira a carreira de “Gui” como ele é carinhosamente chamado pelo pai-empresário Israel Martinez

Por Salim Burihan

“Gui”, como ele é carinhosamente chamado pelo pai e amigos- o nome artístico é Guilherme Martinez, tem uma carreira de muito destaque, apesar da pouca idade.

Contrato assinado com a Globo

Ele já fez 320 shows, 32 programas de TV, dois realitys  show-The Voice Kids Brasil e Super Chefinho, ambos na TV Globo e emplacou seis músicas de sua autoria em novelas brasileiras, a maioria delas no SBT.

Guilherme já dividiu o palco com os maiores cantores do Brasil, entre eles, Ivete Sangalo, Wesley Safadão e Daniel, mas o grande sonho dele ainda é poder se apresentar com Roberto Carlos.

“Gui” é filho de Israel Martinez, um músico que durante muitos anos se apresentou em barzinhos de Caraguá e região. Quando “Gui” nasceu, Israel passou a preparar o filho para a carreira musical. Guilherme começou a cantar aos 3 anos de idade, algumas vezes, acompanhando o pai nos ensaios da banda de Israel.

“Eu percebia no Gui que ele tinha muito ritmo e uma afinação impressionante . Passei a trabalhar isso. Como vivíamos  só nos dois(o pai cuida do filho sozinho), ele passou a viver a minha vida(de músico) e eu, a dele”, conta Israel.

Segundo ele, a primeira vez que o filho se apresentou em público foi em 2009 em um show que Israel e sua banda fizeram no coreto da Praça Cândido Mota, em Caraguá.

Um dia em São Paulo, o personagem “Huck” do programa Os Legendários, da TV Record, que é amigo de Israel, viu Guilherme cantando com o pai e decidiu filmar e enviar para o Marcos Mion.

Mion gostou e convidou Guilherme para se apresentar no programa “Pequenos Notáveis”, da Record.

Mion ficou encantado com a história de Guilherme que resolveu fazer uma gravação especial para o seu programa, Os Legendários. O apresentador esteve em Caraguá e gravou 40 minutos com Guilherme e Israel.

Logo após a veiculação da participação do filho no “Legendários”, Israel decidiu fazer um vídeo com Guilherme, com a ajuda do amigo, também, músico, Lee Conceição e colocou no Youtube.

O vídeo do menino despertou a atenção de Arnaldo Saccomani, um dos mais renomados produtores musicais do país. A partir daí, Saccomani, que também é diretor das trilhas sonoras do SBT e uma espécie de descobridor de novos talentos, passou a cuidar da carreira artística de Guilherme.

Saccomani viu em Guilherme um grande talento e decidiu investir em sua carreira

O menino passou a integrar a Agência Talentos Brilhantes e a gravar suas músicas no Studio Mosh dos melhores do país, que fica em São Paulo. A partir daí, vieram as apresentações em programas de TV no SBT, Record e Globo e  os shows pelo país.

TV

Guilherme gravou cinco programas de Tv contando a sua vida, na Record, no SBT e na TV Aparecida, tem seis músicas suas em trilhas de novelas do SBT, mas sua participação mais emocionante aconteceu na Globo, quando participou do The Voice Brasil Kids, em 2018.

Para chegar lá não foi nada fácil. Mais de 17 milhões de crianças se inscreveram. Guilherme foi a 72ª criança selecionada para o programa. Em sua apresentação, cantou uma música em inglês, “Music and Me”, de Michael Jackson.

Sua apresentação foi aprovada pelos três jurados do programa. Quando os três, Claudinha Leite, Carlinhos Brow e Simone e Simaria viraram suas poltronas, Guilherme foi tomado pela emoção e concluiu sua apresentação chorando.

Consta que a apresentação de Guilherme registrou uma das maiores audiências do programa da Globo. Quando ele começou sua apresentação, o programa marcava 12 pontos no Ibope, quando Guilherme terminou de cantar, o The Voice Kids atingia 24 pontos no Ibope.

Sua participação no programa chamou a atenção de Luciano Rabelo, diretor artístico  da TV Globo. Rabelo convidou Guilherme para participar do reality “Super Chefinho”, de Ana Maria Braga, mas não ficou só nisso.

No programa com Ana Maria Braga, o “Super Chefinho”

Recentemente, Rabelo chamou pai e filho para uma reunião no Rio de Janeiro e contratou Guilherme. O garoto só aguarda ser chamado para iniciar sua participação na Globo, possivelmente, para emplacar uma de suas músicas em novelas ou até mesmo ser integrado a um dos programas da emissora.

Shows

Guilherme continua se apresentando em shows. O cachê varia de R$ 5 a R$ 10 mil, dependendo da duração dele e localização da cidade.

Cantou com Luan Santana

Suas atenções no momento estão voltadas para o lançamento em plataforma digital da música “Nossa Senhora”, de Roberto Carlos, gravada em dueto com o cantor Daniel. O lançamento será dia 12 de outubro, quando se comemora o Dia da Padroeira do Brasil.

Guilherme cantou com Daniel em Aparecida

O garoto teve uma participação especial no novo DVD do cantor Daniel, gravado em outubro de 2018, cantando a música com Daniel em um show que teve mais de 100 mil pessoas e 60 músicos envolvidos.

“Realizamos um sonho em estar com a imagem e a voz colada junto para todo país com um dos maiores astros do Brasil”, lembra Guilherme Martinez. Assista ao vídeo da gravação:

“Gui”

Aos 12 anos, Guilherme, apesar de dedicar sua vida na sua carreira nacional, vive a vida de um garoto normal.

Continua morando em Caraguá com o pai. Faz à sétima série no Colégio Tableau, estuda no Kumon, faz inglês e aulas de mai tai numa academia.

O pai procura evitar que seu filho tenha um tratamento diferenciado, nas escolas que frequenta, devido à fama, mas não é nada fácil.

Quando está em casa, quando não está compondo ou ensaiando, gosta de jogar videogame e ver Tv, principalmente, jogos do Corinthians, seu time do coração.

O pai-empresário dá toda a atenção ao filho nas horas vagas. Os dois estão sempre juntos. Guilherme tem grande adoração pelo pai.

“Vivi a vida de músico de meu pai. Fui gostando e apreendendo. Eu me espelho nele, que sempre se dedicou a música. Ele me ajuda muito em tudo”, disse Guilherme.

Ele conta que se considera um cantor “pop”, canta, inclusive, músicas em inglês, mas que o sertanejo é o estilo mais comercial no país.

Guilherme se dedica nas aulas, apesar da agenda agitada

“Gui” relata que uma de suas músicas, “A Vida é Uma Bola”, que faz parte da trilha sonora da novela “Cúmplices de um Resgate”, em reprise no SBT, tem mais de 8 milhões de visualizações nas redes sociais.

Não tem ainda namoradinha. “Estou focado na minha carreira”, afirma. Ele procura se profissionalizar cada vez mais. É tímido, simples e se emociona quando canta, como aconteceu quando se apresentou no The Voice Brasil Kids.

E, conta um sonho, apesar de ter cantado e convivido com os maiores cantores do país, o que mais gostaria é poder cantar com o Roberto Carlos.