Mundial de Surfe

Medina e Filipe Toledo avançam na etapa de Portugal

Medina é eliminado em Portugal. Fotos: WSL

Os surfistas do Litoral Norte, Gabriel Medina, de São Sebastião e Filipe Toledo, de Ubatuba, líder e vice-líder do ranking mundial de 2029, foram bem nesta sexta(18), em Peniche, Portugal, garantindo vaga na próxima fase da competição.

Filipinho derrotou o surfista português Vasco Ribeiro: 14,6×10,10. Gabriel Medina venceu o português Miguel Blanco: 13,67×8,33. No próximo round, Filipinho enfrenta na terceira bateria o australiano Wade Carmichael; Medina terá pela frente na quinta bateria, o compatriota Casio Ibelli.

No ano passado, Medina ficou em terceiro em Portugal, caiu nas semifinais. Toledo não foi bem e acabou eliminado no terceiro round. Quem venceu em Peniche em 2018 foi o brasileiro Ítalo Ferreira.

Para ter chances de disputar o título de 2019, Filipe Toledo tem que ir bem em Portugal

Título

Medina pode ser tricampeão mundial em Portugal. Basta chegar a final. Toledo quer vencer para levar a disputa pelo título, contra Medina, para a última etapa no Havaí.

A duas etapas do término do campeonato, oito surfistas possuem chances matemáticas, entre eles, três brasileiros: Gabriel Medina (BRA) 48.015, Filipe Toledo (BRA) 45.730 e Ítalo Ferreira (BRA) 42.400.

Os outros candidatos são: Jordy Smith (AFS) 43.515, Kolohe Andino (EUA) 41.250, Kanoa Igarashi (JAP) 35.430, Owen Wright (AUS) 34.780 e John John Florence (HAV) 33.220.

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: