Caraguatatuba Cidades

Ex-secretária de saúde de Bertioga é presa em operação da PF no Amazonas

Secretária de Saúde do Amazonas, Simone Papaiz. Foto: Reprodução Facebook

A  ex-secretária de Saúde de Bertioga, Simone Papaiz, foi presa pela Polícia Federal (PF), na manhã desta terça-feira (30), na sede do governo do Amazonas, durante a Operação Sangria, que apura superfaturamento nas ações de combate ao coronavírus.

A biomédica Simone Papaiz deixou a prefeitura de Bertioga em abril para assumir o cargo de secretária da Saúde do Amazonas.  Simone também tinha sido secretária da pasta em Mogi das Cruzes.

Os agentes cumpriram 20 mandados de busca e apreensão e 8 de prisão temporária de investigados por fraude e superfaturamento nas ações de combate à pandemia no Amazonas.

Os mandados foram expedidos pelo ministro Francisco Falcão, do Superior Tribunal de Justiça e o cumprimento das buscas e apreensões contaram com o apoio do Ministério Público Federal (MPF), Receita Federal e CGU(Controladoria Geral da União. O ministro determinou o bloqueio de bens no valor de R$ 2,9 milhões de 13 pessoas físicas e jurídicas.

A operação, denominada Sangria, é uma alusão às suspeitas de que uma revendedora de vinhos tenha sido utilizada para desviar recursos públicos que deviam ser destinados ao SUS do Amazonas. .

error: Alerta: Conteúdo protegido!
%d blogueiros gostam disto: