Cidades Litoral Norte

Há mais de seis anos trecho no km 52 da Rodovia Tamoios está interditado

O trecho de planalto no município de Paraibuna, no km 52 da Rodovia dos Tamoios (SP 099), interditado desde fevereiro de 2016, devido a um deslizamento de encosta causado pelas chuvas que atingiram a região na época, continua com um desvio de tráfego no local em função dos taludes que foram rompidos. 

Em nota a Concessionária Tamoios comunicou que tem todo o interesse em resolver as questões relacionadas ao Km 52 da Rodovia dos Tamoios e tem trabalhado para prover segurança e atenuar eventuais transtornos.

Informa ainda que em 07 de janeiro de 2020 foi assinado o Termo Aditivo e Modificativo Nº 003/2019 (TAM003) (www.concessionariatamoios.com.br/transparencia) entre a Concessionária Tamoios, o Estado de São Paulo e Artesp tendo como interveniente o DER, onde o Governo do Estado de São Paulo assumiu a responsabilidade pelas obras do trecho do KM 52.

A Concessionária esclareceu que vem colaborando com a Artesp na busca da solução que, conforme mencionado, será coordenada pelo Poder Concedente. Salientou que, apesar dos transtornos, o local atende às normas Rodoviárias de Segurança vigentes.

Já a ARTESP, Agência de Transporte do Estado de São Paulo, informou que já recebeu da Concessionária Tamoios o projeto executivo e as planilhas de quantidades e serviços das obras para reestabelecimento do talude do km 52 da Rodovia dos Tamoios, que agora seguem em análise por parte da Agência reguladora.

A ARTESP ressalta ainda que, até a conclusão do processo, não há como prever mais detalhes em relação a custos, início e término da obra, e que a concessionária vem trabalhando para prover segurança e atenuar eventuais transtornos aos motoristas.

Por Cynthia Louzada / Redação Tamoios News