Caraguatatuba Cidades Polícia

Homem que matou ex-colega de trabalho em Caraguá é condenado à 20 anos de prisão

Réu por matar ex-colega de trabalho com pedaço de madeira em Caraguatatuba pega 20 anos de prisão

Homem atacou vítima durante discussão quando iam cobrar dívida

Na última quinta-feira (5/5), o Judiciário de Caraguatatuba condenou um homem denunciado pelo MPSP após ter matado um ex-companheiro de trabalho. Por ter espancado a vítima até a morte usando um pedaço de madeira, o réu foi sentenciado a 20 anos de prisão.

O promotor de Justiça Renato Queiroz de Lima narra na denúncia que, em junho de 2019, réu e vítima discutiram no dia em que ambos iriam cobrar uma dívida relacionada ao trabalho que ambos prestaram.

“Em razão de uma simples discussão, o acusado muniu-se de um pedaço de madeira e desferiu diversos golpes contra a face e o crânio da vítima, que foram a causa eficiente de sua morte”, dizem os autos. Lima atuou também no Plenário do Júri.

De acordo com a sentença, o réu não poderá recorrer em liberdade.

Fonte: Assessoria de Imprensa / Ministério Público do Estado de SP