São Sebastião Saúde

Macaco é encontrado morto no Guaecá: Secretaria de Saúde investiga causas

Por Ivânio de Abreu

Um macaco foi encontrado morto no Guaecá, região central de São Sebastião, na tarde dessa quarta-feira (17). Segundo a Prefeitura, técnicos da Secretária Municipal de Saúde e do setor de Vigilância em Saúde tomaram as medidas necessárias. O animal passou por necropsia (autópsia) – uma série de procedimentos e observações, organizada e hierarquizada, realizada com o objetivo de determinar o que provocou a sua morte. As amostras foram coletadas e encaminhadas ao laboratório do Instituto Adoldfo Lutz, em São Paulo.

De acordo com a Vigilância Epidemiológica Municipal ainda não se sabe a causa da morte do macaco que, inclusive, pode ter sido em decorrência de várias outras causas como, por exemplo, morte natural, atropelamento, eletrocussão, entre outras.

A Prefeitura ressalta: é importante deixar claro que, até o presente momento, a cidade não registrou nenhum caso de febre amarela ou de óbitos em decorrência à doença e, por conta disso, segue com o calendário designado pelo Governo do Estado para a campanha de vacinação no período de 29 de janeiro a 17 de fevereiro.

O município ainda não recebeu o lote com as doses fracionadas, a serem encaminhadas pelo Governo do Estado para o inicio da campanha. Por enquanto, a cidade conta com as doses da vacina não fracionada, para atender as pessoas que irão, nos próximos dias, fazer alguma viagem internacional ou para as chamadas zonas de risco. Para estes casos as doses são aplicadas nas unidades do Canto do Mar, PSF Centro, Topolândia e Maresias.

É importante frisar que, para isso, o cidadão precisa ir até a Unidade de Saúde com um comprovante desta viagem para que seja liberada a imunização antes da data prevista para o inicio oficial da campanha.

A Secretaria Municipal de Saúde pede que a população fique tranquila e, qualquer informação sobre a causa da morte do animal será divulgada e imediatamente providenciada às ações pertinentes.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.