Ilhabela TCE

Ilhabela: TCE julga irregular contratação do arquiteto Ruy Otake pelo ex-prefeito Toninho Colucci

O Tribunal de Contas julgou irregular a contratação por inexigibilidade do arquiteto Ruy Otake celebrado pelo ex- prefeito Antônio Colucci, de Ilhabela, em 2016. O ex-prefeito teria contratado o escritório do arquiteto por R$ 395 mil para um projeto arquitetônico no Mirante Morro da Santa Cruz.

O julgamento ocorreu na última terça(23). Colucci tinha contratado a empresa do arquiteto Ruy Otake para prestação de serviços técnicos especializados, visando elaboração de projeto de arquitetura, estrutura e fundações do mirante no Morro da Cruz, a ser edificado no Mirante Morro da Cruz, entre a Avenida Almirante Tamandaré e a rua Morro da Cruz.

A conselheira Dra. Cristiana de Castro Moraes,  seguindo a manifestação do Ministério Público de Contas e da Secretaria Diretoria Geral, votou pela irregularidade da Licitação e Procedência da Representação, com aplicação de multa de 160 UFESP’s , cerca de R$ 4.200,00, aos responsáveis.

A obra não chegou a ser iniciada. Não conseguimos contato com o ex-prefeito para saber se o dinheiro teria sido repassado ao arquiteto e se cabe recurso ao TCE.

Obra

Colucci pretendia construir de um mirante de 25 metros de altura. A proposta gerou polêmica na cidade, onde um abaixo assinado com cerca de 3 mil assinaturas questionou o projeto.

Colucci defendia o projeto, que segundo ele, na época, iria se transformar em atração turística.

A obra seria construída no Morro da Cruz, de frente para o canal de São Sebastião, com uma vista de norte ao sul do arquipélago.

O projeto previa uma lanchonete no térreo, além de um elevador que levaria os turistas ao topo do mirante onde teria  uma vista geral da ilha.

Colucci teria pago o projeto por R$ 395 mil e a construção estaria  orçada em R$ 2,5 milhões.

Segundo a atual administração, o arquiteto Ruy Otake teria que devolver o dinheiro recebido pelo projeto. Não conseguimos contato com o escritório do arquiteto.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.