Cidades Tipiti

Tipiti – Bastidores do Litoral Norte

Segundo informações, a rádio Band de São Sebastião está à venda por 6 milhões e já tem político na região interessado. Soubemos que esse poderoso político deu um “lance” de 3 milhões! Será que conseguirá arrematar?

Em Caraguá, para não ficar de fora, um político resolveu arrendar uma conceituada rádio por 10 anos. Só não sabemos o verdadeiro motivo para esse investimento, será devido à concorrência de audiência ou será a concorrência política?

Professor Gleivison, mesmo não ganhando a eleição, já tem certeza que será eleito o próximo prefeito de São Sebastião. Desdenhou de um convite para um programa televisivo de um veículo de comunicação que atua na cidade e aceitou um convite em um programa de uma rádio comunitária em outra cidade! É, professor, “palavra” não é o seu forte, os seus ex-assessores que o digam!

O clima esquentou na sessão da Câmara Municipal de Ubatuba desta semana. O engenheiro Sylvio do Prado Bohn Júnior, secretário do Meio Ambiente de Ubatuba, ocupou a Tribuna Popular para, com apresentação de dados, responder cobranças feitas pelo vereador Junior Jr. (Podemos) sobre falta de ações da pasta para coibir invasões de terras no Município, mas acabou gerando embates verbais com os demais vereadores que defenderam pronunciamentos em plenário como “invioláveis”. Vereador Júnior e secretário Sylvio, o momento é de união, essas invasões devem ser coibidas com urgência. Precisamos salvar Ubatuba!

Presidente da Câmara de São Sebastião, o vereador Reis está sendo questionado sobre o servidor público que foi preso no início do mês por tráfico de entorpecentes. Esse mesmo funcionário já foi preso na Alemanha por 1 ano e 8 meses pelo mesmo motivo, na época ele tirou licença sem remuneração. Mas, e agora? O servidor será licenciado? Será exonerado? Ou serão apenas descontados os dias em que permanecerá preso?

Dra. Janine Baldomero, promotora de Justiça de São Sebastião, apontou 14 anos de irregularidades na intervenção do Hospital de São Sebastião, cometidas pelo ex-prefeito Ernane Primazzi, prefeito Felipe Augusto e todos os interventores e requer que seja determinada a indisponibilidade dos bens dos requeridos para garantir o ressarcimento ao erário no montante de R$ 390.255.544,58, além de pagamento de danos morais coletivos no valor de R$ 195.127.772,29, referente ao montante de 50% do valor recebido de repasses municipais entre 2013 a 2020. Dra. Janine é a nossa esperança para que finalmente a justiça seja feita!